Vida Pessoal – Emagrecimento, Boa Forma e Saúde

 

Neste artigo, você encontrará, dicas, métodos e aconselhamentos, de como ter  SUCESSO NA VIDA PESSOAL,principalmente,  SUCESSO na SAÚDE. Vamos te ensinar o passo a passo para chegar ao SUCESSO.

Continuando com a  ótima parceria com a JOLIVI – NATURAL HEALTH, sempre estaremos publicando artigos e dicas , nesse assunto que é simplesmente essencial para nossa existência – A SAÚDE.

Para que assim, você possa praticar nossos métodos, que uma vez juntados, pelo seu acesso em nosso blog, te levarão ao SUCESSO. Vamos ajudá-lo (a) a alcançar a FELICIDADE , tendo SUCESSO NA VIDA PESSOAL.

A Jolivi é uma empresa brasileira, voltada ao mercado editorial na área de saúde natural. Oferecendo a todos um contato estreito com o mundo do tratamento não-convencional, suplementação alimentar saudável, hábitos de vida longínqua e bem-estar.

 

INVESTIMENTOS –  INVESTIR NA GELADEIRA

 

Cortar o café, repensar a viagem nas férias, estudar melhor e se negar a pagar as taxas do banco, além de comparar todos os preços dos produtos no supermercado.
Impávido em seu plano de gastos, entretanto, permanece o setor “saúde”.
Afinal, o consumo daquele sapato ou daquele carro do ano pode ser adiado. Mas no remédio de todo dia, é impossível economizar.

imagem de remédios em capsulas, drágeas, etc

Não queremos parecer rudes, mas este esquema de gerenciamento financeiro existente aí dentro da sua casa repete os mesmos erros cometidos pelos governos e que levaram o Sistema Único de Saúde (SUS) ao atual colapso.
Também se assemelha à forma equivocada como as seguradoras estruturam seus negócios fazendo com que as notícias de falências de planos, à la Unimed Paulistana, sejam assustadoramente frequentes.imagem de vários logotipos de empresas de convênio de assistencia médica

Mais do que isso.

Tal estratégia faz com que você deixe na geladeira um investimento precioso, que poderia fazer com que você revolucionasse o seu orçamento doméstico e o seu plano de aposentadoria.

O que queremos dizer é que de nada adianta investir em Tesouro Direto, comprar ações nos momentos de crise para vender em épocas de bonança e construir um plano sólido de aposentadoria se você continuar com este tipo de relação com a “saúde”.

Quando foi a última vez que você investiu na construção de um patrimônio de saúde?

Só vejo doença

A sociedade contemporânea foi moldada para enxergar o setor saúde usando lentes de doença.
Com esse tipo de pensamento, nunca INVESTIMOS. Sempre GASTAMOS em decorrência de algum problema no organismo “auto- adquirido”.
Dados da última Pesquisa de Orçamentos Familiares (POF/IBGE), por exemplo, mostram que, o peso da “assistência à saúde” cresceu 10% no bolso das famílias brasileiras.

• 48,6% dos gastos de saúde são com remédios;
• 29,8% são com planos de saúde; e
• Menos de 5% com consultas e tratamentos variados de saúde.

Coquetel diário

O fato é que, em todas as esferas, predomina a convenção de que ser saudável, na verdade, é sinônimo de resolver a doença quando ela aparece.

Em uma inversão de lógica, remediar ficou melhor do que prevenir.

Com o agravante de que a indústria hoje é a grande responsável pela formação médica, financiando universidades, congressos e estudos científicos, além de patrocinar até mesmo parte das consultas clínicas.
Essa relação de conflitos de interesse entre exercício da medicina e lucro das farmacêuticas também contribui para que o SUS e as seguradoras ostentem rombos financeiros incalculáveis – uma vez que não há políticas eficientes para diminuição do adoecimento crônico da população.
Programa de saúde, para o governo, é quase sempre programa que fornece remédio.
Isso influencia no custo cada vez maior dos pacientes. Para além dos custos, também é verdade que o processo de manifestação de doenças, como câncer e problemas cardiovasculares, é desencadeado cada vez mais cedo.

imagem de médico medindo a pressão de um paciente

Já na sua casa, este modo de gestão feita com base no remédio e na mensalidade do plano aparece em forma de diabetes, pressão alta, obesidade. Também surge travestido de uma “necessidade imutável” de tomar um coquetel de medicamentos todo santo dia.
As doenças, por sua vez, são assimiladas como sentenças para a vida toda e, não por acaso, abocanham metade dos seus gastos com “saúde” – sem que você trabalhe com qualquer previsão de mudança ou alívio deste seu comprometimento financeiro.
É uma espécie de financiamento vitalício e, do outro lado da moeda, este “peso da doença” satisfaz plenamente o modelo de negócio das farmacêuticas.

imagem de logotipos de empresas fabricantes de remédios

Em um único ano, estas empresas faturaram US$ 1 trilhão (sim, um trilhão de dólares), de acordo com a consultoria IMS Health.
E se a sua relação com os laboratórios for apenas na posição de cliente, lhe digo sem medo de errar: você está em um péssimo negócio.

 Hora da virada

A boa notícia é que ações simples, práticas e nada dolorosas, respaldadas por pesquisas de excelente rigor científico podem reverter sua situação.
Entender que algumas vezes os comprimidos são uma necessidade de consumo e não uma necessidade de saúde pode, inclusive, mudar radicalmente a forma como você lida com seu “patrimônio saudável
Tentar pensar que os gastos com alimentação e com o gerenciamento do tempo para lazer e atividades físicas são, na verdade, investimentos em saúde é só o primeiro passo.
E a melhor notícia é que a possibilidade de tornar a saúde mais do que só uma fonte de gastos está ainda mais próxima de você.

Tudo pode começar agora, na sua geladeira.

imagem de geladeira aberta, com vários tipos de frutas, verduras e legumes saudáveis

 

                                                                      Tatiana

Sim, foi investindo mais na “geladeira” e “menos na despensa” que Tatiana do Livramento da Silva, 31 anos, encontrou uma “fórmula” que transformou seu orçamento doméstico.
Após chegar aos 90 quilos distribuídos em 1,51 metro de altura, ela decidiu mudar.

imagem de uma senhora sentada num barco, gorda e baixa

Encontrou um profissional de saúde que, em vez de receitar só pílulas para o diabetes, depressão e enxaqueca, também colocou um plano alimentar seguro, um tênis e um compromisso no receituário.
Bom, na ponta do lápis, bastou diminuir 10 quilos na balança para que a dona de casa conseguisse reduzir em 69,3% seus índices de diabetes e economizasse 30% nos gastos do mercado. Só para citar um exemplo: eram adquiridos 30 quilos de arroz mensais para a família. Hoje, são 10 quilos.
“Por mês, eu consumia 90 comprimidos para tentar eliminar a dor de cabeça e a tristeza profunda. Nada funcionava. Hoje, após a mudança de estilo de vida, não tomo pílula nenhuma e também não preciso mais de insulina”, conta. Os fármacos acarretavam custos de R$ 1.800 anuais e poderiam ser usados em setores bem mais compensadores como, por exemplo, no sonho de ter um negócio próprio.
O refrigerador da casa simples do interior de Minas Gerais onde mora Tatiana está mais colorido pelas frutas e legumes. E a despensa já não guarda bolachas Nesfit, torradas mil grãos e pães de forma integrais que, ao contrário do que se prega, não trazem as vantagens nutricionais prometidas.

 

                                                         Ex-doentes, os novos saudáveis

Tatiana é uma ex-diabética, um dos tipos de pacientes que a medicina típica e as empresas farmacêuticas gostam de pensar que não existem (uma vez que ambos quebram a lógica do comportamento consumidor de remédio e passam a ser investidores de saúde).
É importante ressaltar que ela enfrentou crises de saúde simultâneas a crises financeiras e conseguiu, com isso, compreender que a primeira, quando negligenciada, tem potencial letal e inclusive pode arruinar os investimentos.
“Os momentos de crise coincidem com reflexão sobre prioridades. Já há uma disseminação de que a terceirização do autocuidado resultou em uma relação desigual e não tão boa entre os médicos e os pacientes”, afirma o médico Leonardo Aguiar, nosso consultor.
“Agora parece ser a hora da virada, em especial para as pessoas que estão abertas a tornarem-se responsáveis pela própria saúde. É isso que inverte a lógica da doença, aumenta o bem-estar e amplia a sobrevivência”.

                       LIMÃO  –  PODER DE CURA E BENEFÍCIOS NO EMAGRECIMENTO

 

imagem de vários limões em uma mesa

 

O Brasil é privilegiado com o LIMÃO, pois é um fruto fácil de ser encontrado, produzido durante o ano todo, embora sua safra seja de  Dezembro a Maio. Os mais conhecidos são o Limão Tahiti, Limão Siciliano,Limão Galêgo, e Limão Cravo.

Uma vez que todas essas variedades possuem de 5% a 7% de ácido cítrico todas podem ser consumidas ou usadas  no preparo de alimentos e produtos terapêuticos. A dica é consumir o Limão que está mais abundante, maduro e barato Ele se apresenta com casca brilhante,  pouco rugosa, está macio ao apertar, com elevada suculência.

O ácido cítrico está presente no Limão com cerca de 7%, facilita a absorção de cálcio, ferro, potássio e magnésio; estabiliza o pH do organismo e exerce papel fundamental na respiração celular e na geração de energia.

A vitamina C, também contida no Limão, é um antioxidante poderoso que exerce papel importante de proteção contra os danos de envelhecimento de todas as células e tecidos, além de beneficiar  o desempenho das glândulas endócrinas, e muitos outros benefícios.

imagem do dorso de uma mulher magra enrolada em uma fita métrica

Pelo seu efeito “Adstringente”, pois ajuda a eliminar gases e dissolver excesso de gorduras, e efeito “Depurativo” que  acelera  a capacidade metabólica de eliminar toxinas por meio dos sistemas urinário e intestinal, o Limão é muito recomendado nas dietas de EMAGRECIMENTO.

Os sucos desintoxicantes contendo o Limão, tomados em jejum e 30 minutos antes das refeições principais, ajudam o organismo a se aliviar dos venenos, toxinas e excretos, entre eles o excesso de gordura corporal.

imagem de limão sendo espremido em espremedor manual

Digerir bem e desintoxicar-se diariamente, emagrece, pois excessos de gordura corporal, são esconderijos de toxinas acumuladas ao longo de anos no organismo. É recomendável fazer dos sucos desintoxicantes um hábito diário, de duas a três vezes ao dia, todos contendo o suco fresco de  1 limão médio.

Se você deseja resultados a curto e médio prazos (não existe emagrecimento a curtíssimo prazo!), é importante aprender a ter rotinas saudáveis, praticar uma atividade física simples, como por exemplo caminhar ou dançar no banheiro, mas constante.

imagem de casal caminhando com roupas de exercício e conversando

E é claro, as mudanças não acontecem todas de uma vez, mas é importante dar os primeiros passos, e começar. O restante vai acontecendo.

 

imagem de limão cortado, e um descritivo dos benefícios de tomar água com limão todas as manhãs

 

Nesta semana, falamos e fornecemos para você, dicas e aconselhamentos sobre  SAÚDE.Tudo isso para te levar ao SUCESSO NA VIDA PESSOAL

Apesar de serem instruções iniciais, são extremamente importantes e vitais para o SUCESSO na vida PESSOAL.

Na próxima semana, um novo conteúdo, dará sequência as nossas dicas, para  que você alcance o almejado SUCESSO na vida PESSOAL.

Não perca! Acesse este mesmo blog, e o SUCESSO estará cada vez mais perto de você!

Se gostou compartilhe com os amigos, deixe um comentário abaixo, no local apropriado, pois sua opinião, é  muito importante para  nós.

Esses aconselhamentos, são para te assegurar uma probabilidade em torno de 80% de alcançar o SUCESSO.

Mas, nossa maior experiência, aquela que nos fez chegar ao SUCESSO com 100% de certeza, e poder garantir isso pra você, foi quando pedimos e contamos também com a ajuda de DEUS.

Por isso, se quiser garantir os 100% de certeza na solução de seu problema, clique  em “MANUAL” no menu acima, para aprender a contar com a ajuda de Deus.

 

BIBLIOGRAFIA

JOLIVI – Natural Health

Conceição Trucom – O Poder da Cura do Limão

Author: Osvaldo

Share This Post On

Submit a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *